Conheça os Detalhes Sobre o Projeto do Novo Escritório da Si.Saccab Arquitetura

Por 13 de agosto de 2018Sem categoria

Pensando em ampliar nossas possibilidades e oferecer cada vez mais comodidade aos nossos clientes, a Si.Saccab Arquitetura decidiu mudar sua sede para um espaço maior. Desse modo, pensamos que compartilhar com os leitores do blog os detalhes sobre o projeto do nosso novo escritório seria uma boa maneira de apresentarmos, de forma prática, um pouco sobre o nosso trabalho.

Por isso, este artigo tem como intuito mostrar os principais detalhes sobre o projeto do novo escritório da Si.Saccab Arquitetura. Acompanhe!

Adequação às necessidades da equipe

O primeiro passo para o desenvolvimento do projeto do nosso novo escritório foi pensar nas necessidades da equipe. Estávamos nos mudando para um conjunto maior do que aquele que utilizamos anteriormente. Contudo, o local também é compacto. São 45 metros quadrados. Por isso, aproveitamos para desenvolver o projeto pensando cada espaço detalhadamente, inclusive já prevendo uma possível expansão da equipe.

Desse modo, pensamos em pontos que podem ser utilizados futuramente para a colocação de mesas para novos profissionais. Assim, o escritório ficou com capacidade para abrigar (confortavelmente) oito pessoas.

Além disso, como sentíamos (no local anterior) falta de um espaço para a realização de reuniões e o novo escritório fica em um conjunto comercial compacto, inviabilizando a existência de um ambiente dedicado especificamente a essa finalidade, projetamos uma mesa que será utilizada pela Simone Saccab e também para esse propósito (realização de reuniões). Sendo que prezamos pelo conforto na utilização dessa mesa, seja para o trabalho no dia a dia ou no caso das reuniões.

Cuidados com o hall de entrada

Também adotamos cuidados especiais em relação ao hall de entrada do escritório. Embora ele não seja exatamente uma recepção, já que não há espaço disponível, achamos que não seria interessante que todos os visitantes (clientes, entregadores…) se deparassem com toda a equipe do escritório logo ao entrarem. Por isso, criamos divisórias em aletas pivotantes. Sendo que uma delas protege a entrada, impedindo que se tenha uma visão do espaço de trabalho da equipe.

Com isso, além de serem muito interessantes visualmente, as aletas pivotantes (há uma segunda, que fica do lado oposto, espelhada à primeira, imprimindo certa privacidade à bancada da copa e à entrada de um dos banheiros) são bastante funcionais. Isso está inclusive associado a uma famosa frase relacionada à arquitetura (que nós temos no escritório – em neon), que diz ”form follows function” (a forma segue a função).

Essa frase traduz de maneira muito clara o nosso estilo de projetar. Sempre buscamos usar alternativas bonitas, mas que também tenham uma função interessante (relevante). Fizemos isso em todo o projeto do nosso escritório. Sempre pensamos primeiro na função, e a forma “apenas” a segue. É óbvio que se deve prezar por uma harmonia estética, mas a função é primordial.

Homogeneidade do hall de entrada

Ainda sobre o hall de entrada, vale destacar que ele é um pórtico no qual as paredes, o forro, as portas, armários e a divisória são da mesma cor e do mesmo material (laca rosa seco). Isso gera um aspecto de uma grande caixa, criando um conceito de color block.

O fundo desse pórtico, que originalmente era uma parede, foi utilizado para projetar uma área de armários para armazenamento de amostras. Além disso, também projetamos nesse espaço uma pequena copa. De qualquer modo, o hall de entrada é o destaque do projeto, pois se trata de uma marcenaria muito sofisticada. Ele forma um contraste interessante com o estilo mais industrial das outras áreas do escritório.

Cores e revestimentos

Sobre as cores e os revestimentos, optamos por um porcelanato de 1,2x 0,6m, que remete a um concreto aparente. Na laje aparente, foi feita uma pintura em cimento queimado. Já nas paredes (da área de trabalho), optamos pela cor prata, da Suvinil.

Com isso, criou-se uma caixa homogênea nos tons de cinza (piso, paredes e laje), que contrasta com a laca rosa do hall de entrada. Para as mesas de trabalho, a cor escolhida foi o cinza grafite. Foi dado um destaque para a mesa de reuniões. Ela era de uma folha natural de madeira nogueira, que recebeu um tratamento, tornando-se mais clara.

Aspectos que servem como bons exemplos para os clientes

Um detalhe interessante sobre o projeto do nosso novo escritório foi o fato de diversos aspectos terem sido pensados para serem utilizados inclusive como modelo para os clientes que nos visitam. Alguns exemplos nesse sentido foram:

  • O uso de porcelanatos nas bancadas de copas e banheiros;
  • O desenvolvimento de um projeto de iluminação sem forro;
  • A utilização de pintura em cimento queimado;
  • A existência de ralos invisíveis (não aparentes) nos banheiros;
  • O uso de portas camufladas e com fechadura biométrica;
  • A utilização de cavas como puxadores de portas e gavetas;
  • O uso de rodapé embutido na alvenaria, deixando-as com aspecto de “flutuante”;

Todos esses detalhes servem para mostrarmos aos clientes exemplos reais das alternativas que eles também podem usar em seus projetos. Isso acaba sendo um fator muito importante para o planejamento dos projetos.

Projeto dos banheiros

O projeto dos banheiros (são 2) também foi desenvolvido usando materiais de forma que se tornasse possível exemplificar algumas coisas para os clientes que visitam o escritório. Em um deles há uma bancada esculpida (inclusive a cuba) em porcelanato. Sendo que o porcelanato é o mesmo utilizado no piso, o que imprime certa uniformidade ao banheiro.

Um detalhe interessante sobre essa bancada é que, como não havia o desejo de desenvolver uma marcenaria abaixo dela, foi desenvolvido um nicho (na própria bancada) que é utilizado para armazenar os itens de higiene do dia a dia. Também foi utilizado um ladrilho colorido (cinza, verde e branco) em forma de L em duas paredes. Sendo que isso serve como um ótimo exemplo para aquelas pessoas que têm receio em utilizarem um revestimento mais marcante em seus projetos.

Outro aspecto que merece destaque em relação a esse banheiro é o uso de uma bancada sem frontão. Assim, ela foge do padrão e fica com a aparência de um grande bloco de porcelanato.

Já no outro banheiro, foi criada uma base de alvenaria para a bancada, dando um aspecto de concreto aparente. Para a cuba, a projetamos em mármore (veiado cinza e branco), o que criou um contraste interessante entre a rusticidade do cimento e a sofisticação do mármore. Vale ressaltar que os dois banheiros possuem o teto pintado em cimento queimado.

Sala de reuniões e mesa de trabalho dos arquitetos

Em relação à sala de reuniões, que é a mesma da Simone Saccab, havia o intuito de se ter certa privacidade durante as reuniões, mas sem que ela ficasse isolada no dia a dia. Por isso, foi criada uma divisória em vidro, totalmente transparente. Sendo que, nos casos em que se deseja mais privacidade, ela pode ser fechada.

Inclusive, com a intensão de fugir das peças mais tradicionais, optamos por um puxador especial (inox escovado). Assim, foi criada uma grande diferenciação em relação aos puxadores comumente utilizados em divisórias de vidro.

Na sala destaca-se também a bela obra do fotógrafo Will Sampaio. A fotografia “Mangue Thai” foi feita pelo artista na Tailândia. Por ser uma foto de natureza, a obra dá um efeito super interessante, remetendo a uma janela, trazendo um pouco de vida do ambiente externo para dentro do escritório. Ela foi escolhida pois transmite aos arquitetos tranquilidade e paz nos dias de trabalho.

em relação à mesa de trabalho dos arquitetos, ela foi um projeto elaborado sob medida pela equipe do escritório. Um detalhe interessante é a inexistência de fios (elétricos) aparentes. Isso porque foi projetada uma calha de passagem de fiação que viabiliza que os fios saiam da parede e cheguem até as quatro posições de trabalho (com todas as alternativas necessárias – pontos de tomada, USB, rede e telefone) existentes na mesa sem que seja criado aquele emaranhado tão comum.

Iluminação das áreas de trabalho

A iluminação das áreas de trabalho do escritório é um dos maiores destaques desse projeto. Ela foi projetada artesanalmente, sendo que foi colocado um grande pendente suspenso sobre a mesa de trabalho. E o mais interessante é que ele foi montado com canaletas para material elétrico.

É interessante destacar que os spots instalados nesse pendente foram customizados. Isso porque havia a intenção de criar uma iluminação que fugisse daquilo que já é tradicional em escritórios. Pensamos em criar uma iluminação composta por lâmpadas pontuais. Porém, de modo que ficasse uma boa luminosidade geral.

Conclusão

Assim como fazemos em todos os nossos trabalhos, no projeto do novo escritório da Si.Saccab Arquitetura, prezamos pela questão visual, mas principalmente pela funcionalidade (conforto, adequação às necessidades…) dos ambientes. Exatamente por isso, compartilhar os detalhes sobre o projeto com os nossos leitores é uma grande satisfação. Até porque, ao fazermos isso, mostramos da maneira mais realista possível como desenvolvemos nossos trabalhos.

Quer desenvolver o seu projeto com quem realmente entende do assunto? Então entre em contato com a Si.Saccab Arquitetura e veja quais soluções dispomos para a sua demanda!

Deixe um comentário